Em cada veia o sangue espera a vez

Esqueçam Tonny Bennet, Tom Jones, Perry Como, Harry Connick Jr, Dean Martin, Bobby Vinton ou Johnny Mathis – já para não falar desses fedelhos tipo Michael Bublé ou o James Blundt.

Vejam a classe de um intérprete, a imponência da voz, a abordagem ao microfone e o sentimento na canção. Pérolas destas não há todos os dias. Nem no Bulhão!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s


%d bloggers like this: